quinta-feira, 30 de setembro de 2010

FRAUDE NO CIRETRAN DE PERUÍBE / SETEMBRO DE 2010





SP - Fraude em Peruíbe tirava pontos de carteiras de motorista




Delegado, funcionária e despachantes são alvos de operação do DETRAN; além de limpar os pontos, grupo cancelava multas



Mais uma Circunscrição Regional de Trânsito (Ciretran) foi alvo de uma operação deflagrada pelo Departamento Estadual de Trânsito (DETRAN). Desta vez, a operação flagrou a unidade de Peruíbe (SP) como centro de um esquema criminoso de transferência de pontos e anulação de multas que contaria com a participação de policiais, funcionários da Ciretran e despachantes.


Por enquanto, os homens do DETRAN e o promotor Cássio Conserino, do Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco), conseguiram encontrar provas contra cerca de 400 motoristas que pagaram para retirar pontos de suas carteiras.


Todos devem responder a processo por corrupção passiva.


O DETRAN descobriu que uma funcionária da Ciretran era uma das principais "hospedeiras" de pontos no Estado. Hospedeiros são pagos para assumir infrações de outras pessoas. "Nosso setor de inteligência verificou no sistema que ela tinha 10 mil pontos na carteira", afirmou o delegado Carlos José Paschoal de Toledo, diretor do DETRAN.


Quando o esquema foi detectado, em maio, o delegado responsável pela Ciretran, Bruno Jacinto de Almeida Junior, foi afastado. Mas as fraudes continuaram. Os investigadores continuaram vigiando a funcionária Cláudia Maria Gavazzi.


Até que ontem de manhã, com ordem judicial, a força-tarefa do DETRAN, Gaeco e da Corregedoria da Polícia Civil fez buscas na Ciretran e nas casas dos delegado e da funcionária. Pelo que foi apurado até agora, Cláudia usaria a senha do delegado para transferir pontos para sua CNH e anular multas - sabe-se até agora que R$ 115 mil em multas foram canceladas dessa forma.


Cláudia e o delegado negam as fraudes. Nas buscas na casa do delegado, foram encontradas escrituras de imóveis comprados e registrados em nome do delegado e de sua mulher no período em que supostamente as fraudes ocorreram - 2009 e 2010.


Para os investigadores, a compra dos imóveis pode ser o modo de lavar o dinheiro do esquema. A força-tarefa também apura a inserção de dado falso no sistema do DETRAN, crime punido com pena de 2 a 12 anos de prisão, falsificação de documento público e uma possível formação de quadrilha.


Fonte: http://www.estadao.com.br/



quarta-feira, 29 de setembro de 2010

MEU PEDIDO AO ELEITORADO DE PERUÍBE / SETEMBRO DE 2010



A um bom entendedor, meia palavra basta. É um aviso que eu estendo, principalmente, aos eleitores que residem no Caraguava, Vila Erminda, Veneza, Caraminguava e outros bairros, digamos assim, desprestigiados, e onde se concentram a maior parte dos eleitores de Peruíbe.


Se você vota nesta cidade e principalmente, reside nas áreas suburbanas desta cidade, peço que olhe novamente na imagem que eu coloquei neste texto, e reflita bem sobre o que pretende fazer no dia 3 de outubro. Reflita.


Reflita e faça a sua escolha. Isso é o máximo que eu posso e pretendo dizer.

terça-feira, 28 de setembro de 2010

O ROMANO MARCUS TULLIUS EXPLICA AQUI COMO SE DEVE GOVERNAR PERUÍBE / SETEMBRO DE 2010


Vou repetir, com letras maiores:

" O Orçamento Nacional deve ser equilibrado. As Dívidas Públicas devem ser reduzidas, a arrogância das autoridades deve ser moderada e controlada. Os pagamentos a governos devem ser reduzidos, se a Nação não quizer ir à falência. As pessoas devem novamente aprender a trabalhar, em vez de viver por conta pública."

Basta substituir as palavras "Nacional" e "Nação", pelas "Municipal" e "Cidade" e pronto: estão aí regras a serem seguidas pelos que governam Peruíbe.

GREGÓRIO DE MATOS PROFETIZOU A PERUÍBE DESTES TEMPOS DE TREVAS / SETEMBRO DE 2010





Que falta nesta cidade?… Verdade.


Que mais por sua desonra?… Honra.


Falta mais que se lhe ponha?… Vergonha.


O demo a viver se exponha,


Por mais que a fama a exalta,


Numa cidade onde falta


Verdade, honra, vergonha.

A 5° FESTA DAS FLORES DO MORANGO E DA BANANA ACABOU, E A TENDA CONTINUA IMUNDA






Pois é, a festa acabou, mas a tenda continua lá, encardida. Vai entender a lógica do governo Bargieri, que tem dinheiro para diversas festividades, mas não pode cuidar da limpeza dessa enorme lona, além daquela na praça Flórida.



Comparem a cor da tenda com as que cobriam o local onde se vendia merengue. Vejam a enorme diferença.



Coisas de Peruíbe. E vamos ver qual será o custo da licitação da limpeza dessas tendas, e isso se pura e simplesmente a prefeitura não resolver substituí-las por novas, a um custo MUITO MAIOR para os cofres públicos municipais.

segunda-feira, 27 de setembro de 2010

A ISLÂNDIA TAMBÉM POSSUI UM TIRIRICA / SETEMBRO DE 2010




A eleição de 2010 está próxima, e a polêmica em relação ao Tiririca só aumenta. Os comentários variam da fúria - PSB paulista vai sair muito prejudicado, pois o Márcio França não puxará votos para seu partido - ao sentimento de simpatia. Os políticos só reclamam, intelectuais berram e o povão apóia o palhaço.


Pois lá na Islândia, tida como uma nação muito próspera e com um povo culto, existe uma versão nórdica do Tiririca. Falo de um humorista chamado Jón Gnarr, cujo verdadeiro nome é Jón Gunnar Kristinsson. Ele se lançou em maio de 2010 como candidato a prefeito da capital islandesa, Reykjavik...e venceu. Em sua campanha, ele disse coisas assim: "Quero arranjar um trabalho bem pago pra poder ajudar meus amigos e parentes. Também quero ter assessores e ganhar um monte de coisas de graça", "A verdade é que não temos nenhuma plataforma partidária, mas fingimos ter uma" e outras "barbaridades".



Vou reproduzir abaixo a postagem do blog "Vida na Islândia", que pertence a uma brasileiro que mora - palavras dele - na gelolândia:



O MELHOR PARTIDO

30/05/10


Nesse último sábado teve eleição para as assembléias municipais. Os membros das assembléias escolhem o prefeito de cada município.


Em Reykjavík, além dos partidos tradicionais, nesse ano um novo partido participou das eleições, chamado "O Melhor Partido" ("Besti Flokkurinn"). Esse partido foi criado por um dos comediantes mais populares da Islândia, Jón Gnarr, como uma piada para atrair atenção ao fato de que nenhum dos partidos estavam trazendo nada de novo em suas plataformas. As promessas do novo partido foram propositadamente ridículas, como abrir uma filial da Disneylândia em Reykjavík, banir o consumo de drogas no parlamento nacional, dar toalhas de graça nas piscinas, colocar um urso polar no zoológico local, construir pedágios para os bairros ricos, colocar sapos no lago no centro da cidade, e introduzir esquilos nos parques.



E quando o resultado da eleição foi anunciado ontem à noite, O Melhor Partido foi o que recebeu mais votos em Reykjavík! O comediante que fundou o partido agora deve ser tornar prefeito da capital.


Este resultado um tanto bizarro das eleições está sendo interpretado como um sinal de que o povo está cansado dos mesmo políticos de sempre e de partidos que não trazem nada de novo.


Pelo menos dessa vez se pode dizer com certeza que o melhor partido venceu!



Só para encerrar. Depois da vitória, o sujeito disse para a o povo: "Ninguém deve ficar assustado com o Melhor Partido, porque ele é o melhor partido. Se não fosse, seria chamado de Pior Partido, ou Partido Ruim. Nós nunca trabalharíamos para um partido assim.” E encerrou - sem brincadeira da minha parte - com um argumento definitivo:


“E pior não fica.”


blog Vida na Islândia:http://www.vidanaislandia.com/index.html

EIKE BATISTA NA REDE RECORD / SETEMBRO DE 2010

domingo, 26 de setembro de 2010

A LONA DA PRAÇA FLÓRIDA ESTÁ FICANDO MAIS IMUNDA: SETEMBRO DE 2010



A foto acima é mais uma colaboração do peruibense CQC, um FAKE do orkut, que muito tem ajudado neste blog com as suas imagens. Ele é o dono da comunidade orkutiana "PERUÍBE! É AQUI QUE SE VIVE!", muito útil, mas que infelizmente ainda não descoberta pela maioria dos orkutnautas que frequentam ou moram nesta cidade.



Segundo ele, a foto foi tirada no dia 23 de setembro. De fato, está pior do que em uma postagem já antiga sobre o mesmo assunto. E a famosa faixa branca - nessa outra postagem eu explico sobre ela - também já escurece. Ele até escreveu VOVÓ nessa parte, o que está bem visível.



E como ele mesmo disse no orkut, "dinheiro para festa ( se referindo a FESTA DA BANANA E DO MORANGO) tem, mas para limpar a lona onde centenas passam e se alimentam não".
Postagem anterior sobre a lona da praça Flórida:

OS CATADORES DE MATERIAL RECICLÁVEL EM PERUÍBE SÃO EMPREENDEDORES QUE PRECISAM DE APOIO





O trabalho dos catadores de papel - e de outros tipos de material reciclável - em Peruíbe já existe a muito tempo, mas nunca teve a importância atual. Os que atuam nessa área não estão nela por opção de vida ou interesse ambiental, mas apenas por falta de opção e por simples questão de sobrevivência.


Nunca vi tantos deles no passado quanto agora. Bem atuantes durante o veraneio - lata de alumínio caída no chão não demora para ser recolhida - os catadores se tornaram numerosos fora desse período. Em qualquer dia da semana, e mesmo em horários noturnos, é possível ver alguns deles nas ruas, se dedicando a coleta do "lixo que não é lixo". Essa turma forma um serviço não-oficial de limpeza pública, que sem dúvida se tornou indispensável.


Tem quem se incomode com os catadores, os quais demonstram o fato de que esta não é uma cidade-modelo, já que se pudessem, eles buscariam outras formas para se sustentarem.


Em uma cidade que já possui milhares de desempregados, o difícil seria propor a "inclusão social" dessas pessoas. A solução para eles consiste em apoiá-los nessa atividade, de forma que possam até aumentar os seus rendimentos. Já que a prefeitura fala tanto em "empreendorismo", os catadores merecem ser classificados - e tratados - como o que são, ou seja, como empreendedores.


O que eu proponho aqui é diferente do projeto de reciclagem do departamento de Meio Ambiente, que está coletando material para reciclagem. A melhor forma de se gerar benefícios para o meio ambiente e até para o desenvolvimento desta Cidade, é contando com o trabalho de uma parte da nossa população que já se dedica a isso, por vontade própria.


Vejo os catadores peruibenses usando carrinhos velhos e decrépitos. Esses legítimos empreendedores merecem um pouco de atenção. Na foto, existe um modelo de carrinho que seria bem útil a eles. Mas isso depende de um interesse do Paço Municipal, ou mesmo de alguma ONG que não considera esse grupo como invisível, mas merecedor de apoio para melhorar socialmente.

sábado, 25 de setembro de 2010

VOLTANDO AO ASSUNTO DE CRIAÇÃO DE BÚFALOS...EM BARRA DO TURVO, NÃO EM PERUÍBE / SETEMBRO DE 2010




Programa estimula produtor a começar


Ele recebe 10 fêmeas e 1 reprodutor e, 5 anos depois, devolve à Secretaria 13 fêmeas e 1 macho


José Maria Tomazela - O Estado de S.Paulo


A Secretaria de Agricultura do Estado desenvolve um programa de incentivo a novos criadores. O produtor recebe dez búfalas e um reprodutor e, depois de cinco anos, devolve à secretaria 13 fêmeas, além de 1 macho. Com isso, o programa atende a outros criadores. A prefeitura de Barra do Turvo garante a coleta do leite e a assistência do veterinário. Todo dia um caminhão percorre as propriedades colhendo o leite, que é levado para um resfriador. O equipamento foi instalado por um laticínio do Paraná, que tem contrato com os produtores. Com isso, o custo do frete caiu e os produtores passaram a receber mais pelo leite. A qualidade do produto, que é resfriado logo após a ordenha, também melhorou. "O leite de Barra é disputado porque tem um bom teor de gordura", diz o presidente da Proleite.



Conforme Portella, a criação de búfalos passou a ter um alcance social inesperado no município. "Muitas famílias que dependiam de receber bolsa do governo ou cesta básica da prefeitura agora ganham mais de R$ 1 mil por mês com o leite." A cidade está em vias de ter seu próprio laticínio. A instalação está em fase de licenciamento.



O presidente da Proleite acredita que haverá mais uma redução no custo do frete, em torno de R$ 0,25 por litro. "Essa diferença ficará com o produtor."



Os resultados obtidos pelos criadores de búfalo estão sendo repassados aos demais integrantes da cadeia agropecuária da região.



Um simpósio realizado pelo Sebrae, com apoio da Unesp, no início deste mês, em Registro, serviu para a troca de experiências entre os criadores de Barra do Turvo e os produtores de leite bovino do Vale do Ribeira, importante bacia leiteira do Estado.

Fonte: http://www.estadao.com.br/

Comentário: adorei a parte da notícia onde é dito que "Muitas famílias que dependiam de receber bolsa do governo ou cesta básica da prefeitura agora ganham mais de R$ 1 mil por mês com o leite." Para um município onde até recentemente um terço da população sobrevivia com meio salário mínimo, o que ocorre lá é uma incrível transformação social.

Anos atrás, um certo senhor falou em incentivar a bubalinocultura em Peruíbe. Considerando o tamanho da nossa área rural, e o fato dessa atividade ter tido uma presença significativa no nosso passado, não era uma idéia descabida. Mas ficou apenas nisso, no terreno das idéias.

Melhor é priorizar o turismo de verão e todos os seus exageros, o qual sempre conta com uma grande massa de desocupados, prontos para se sacrificarem em troca de ganhos que não valem o esforço.

Esta é a terra onde uns empregadores com CORAÇÕES DE PEDRA perguntam aos coitados em busca da sobrevivência, se eles querem EMPREGO OU TRABALHO, típica estratégia de quem quer explorar, e que está se lixando para direitos trabalhistas. Dependendo da resposta, o infeliz não consegue a vaga.

O modelo econômico daqui precisa dessa massa de ociosos, pois assim os custos para os negócios que dependem dos veranistas se reduzem bastante, o que aumenta consideravelmente os lucros. Quem vai em busca de emprego...digo, de TRABALHO, em uma loja de 1,99 não pode se dar ao luxo de pedir ao futuro patrão ou patroa registro na CARTEIRA DE TRABALHO. Isso fica para depois....para bem depois, sendo necessário mostrar serviço, pelo menos até o carnaval. Então, QUEM SABE, o funcionário consegue se efetivar.

Não vejo interesse real de se mudar isso, pois é um círculo vicioso, tanto para empregado como para empregador. Já vi gente que trabalha para um patrão só durante o verão, fica "vivendo" de bicos durante a naior parte do ano, até o mês de dezembro chegar, quando volta para trabalhar PARA O MESMO EMPREGADOR. Situação muito normal por aqui.

Como o que pouco existe em Peruíbe são atividades produtivas, daquelas em que é menor o risco de dispensa do empregado após um curto período de tempo - tipo os três meses do veraneio - esse problema permanecerá. Está mais do que na hora de se aprender com as lições de lugarejos os quais AINDA não são prósperos.

Saudades do vereador Ivo eletricista / setembro de 2010








Escutei muito a respeito do famoso Ivo eletricista, dono do bordão CHOK NELES. Ele estava fazendo um bom trabalho, que agradava ao povo, mas que...bem, não se tem como agradar a todos. De repente o sujeito começa a ficar muito conhecido, popular entre os eleitores, e aí vem esse ano mágico de 2012, e o que era um simples eletricista acaba se tornando um "prefeiturável". Aí não dá, aí não é possível.

MAIS UM GRANDIOSO EVENTO...QUE NÃO TORNARÁ PERUÍBE MELHOR / SETEMBRO DE 2010







DECRETO LEGISLATIVO N° 02/2010










“CONCEDE TÍTULO DE CIDADÃ BENEMÉRITA DA ESTÂNCIA
BALNEÁRIA DE PERUIBE A EXMA SRA. DRA. MILENA XISTO
BARGIERI MIGLIARESI”.


AUTORIA: VEREADOR ADENILSON ALVES PEREIRA


A MESA DA CÂMARA MUNICIPAL DA ESTÂNCIA BALNEÁRIA DE PERUIBE, USANDO DAS ATRIBUIÇÕES QUE LHE SÃO CONFERIDAS POR LEI,


DECRETA:


Art. 1º Fica concedido a Exma. Sra. Dra. Milena Xisto Bargieri Migliaresi o titulo de Cidadã Benemérita de Peruíbe.


Art. 2º A entrega da honraria a que se refere o artigo 1º será realizada em Sessão Solene, em data a ser designada pelo Presidente desta Casa de Leis.


Art. 3º As despesas decorrentes da execução deste Decreto Legislativo onerarão verbas orçamentárias próprias.
Art. 4º Este Decreto Legislativo entra em vigor na data de sua publicação.


CÂMARA MUNICIPAL DA ESTÂNCIA BALNEÁRIA DE PERUIBE, EM 08 DE ABRIL DE 2010.


ANTÔNIO FRANCISCO RICARDO
- Presidente -


EMER ELIAS ABOU JAOUDE
- 1º Secretário -


ANIELO PERNICE NETO



Neste sábado a prefeita recebeu o título de "cidadã Benemérita", lá na Câmara Municipal. Passei por lá e me senti em território inimigo. Era tenebroso ver tantos carros com propaganda do Márcio França. Essa administração está espantosamente empenhada nisso.




Acho que o vereador Nilsão tem coisas mais sérias a que se dedicar. Ele e outros vereadores deveriam dar menos títulos e honrarias a personagens que adoram esse negócio de "pessoa pública" e cuidar mais das mazelas do município. Peruíbe não se tornará melhor depois disso, algo que só serve para tentar tapar os fatos.



Vou fazer uma analogia do que ocorreu hoje na Câmara com a decisão do Ministério da Cultura, em escolher o filmeco, digo, o filme "Lula, o filho do Brasil" para concorrer a uma indicação ao Oscar 2011. Todo brasileiro com um mínimo de informação a respeito sabe que essa produção cinematográfica, financiada por particulares que só queriam puxar o saco do companheiro presidente, foi um BAITA FIASCO. Os defensores que digam o que quizerem, mas o critério de escolha foi político, não levando em conta o que pensava o público.



Ah, coloquei essa foto, pois não consegui imaginar outra melhor para tratar de um assunto TÃO IMPORTANTE NA HISTÓRIA DESTA CIDADE, um DIVISOR DE ÁGUAS !!!


sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Skaf, a zebra!





Se você, leitor, não é de São Paulo, está impedido de ver Paulo Skaf, presidente licenciado da outrora poderosa e respeitada Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo), pregar “o voto na zebra”.


Quem é a zebra? O próprio Skaf, que disputa o governo do Estado pelo PSB. Sim, o presidente licenciado da mais poderosa federação de indústrias do país — ou melhor: era quando ela tinha o que dizer — é de um partido “socialista”.


Ele já tentou de tudo. Dia desses, apareceu atrás de um retrato em que ele próprio era caracterizado como um palhaço. E a zebra indagava: “Se eu fosse um palhaço, você votaria em mim?”


Prefiro não responder, hehe.


Por Reinaldo Azevedo



Fonte: http://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/


Comentário: o sujeito criticou o palhaço, e agora, definindo a si mesmo como zebra, pede que o eleitorado paulista vote no equino africano, ou seja, nele.


O fato é que o PSB está desorientado. Os críticos do Tiririca costumam dizer que ele puxará votos para outros candidatos, ajudando a elegê-los. Mas eles não falam que essa é uma estratégia comum na política, seguida por muitos candidatos "sérios".


Se o humorista cearense não estivesse na disputa aqui em SP, um certo senhor, o Deputado Márcio França, PUXARIA VOTOS PARA O PARTIDO DELE, graças a mesma estratégia, pois era previsto que ele teria enorme votação. Quando é com uns sujeitos que se definem a si mesmos como políticos "responsáveis", aí uma certa regra vale.

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Lucro com leite de búfala em Barra do Turvo / setembro de 2010




Quem não é da região pode se assustar com a aparência ameaçadora daqueles animais enormes, de pelagem negra, muitos envergando chifres retorcidos e pontiagudos, caminhando em manadas pelos pastos até na periferia da cidade. Para os pequenos produtores rurais de Barra do Turvo, no Vale do Ribeira, no entanto, os búfalos são amigos e se tornaram sinônimo de prosperidade. "O leite dessas meninas é o nosso ouro branco", diz o criador Alexandre Mota Ferreira.


Ele sabe do que fala: a região que, no período colonial, fornecia ouro para a coroa portuguesa, tem hoje péssimos indicadores de desenvolvimento social e está entre as mais pobres do Estado de São Paulo.



Graças ao rebanho bubalino do Vale, o maior do Estado, com 22 mil cabeças, essa realidade pode estar com os dias contados. No ano passado, apenas os 50 integrantes da Associação dos Pecuaristas e Produtores de Leite (Proleite), com sede em Barra do Turvo, movimentaram R$ 1,5 milhão com a produção e venda do leite de búfala in natura, e ainda, na forma de mussarela, iogurte, manteiga e queijo frescal.



A produção chegou a 450 mil litros no ano, ou 500% a mais do que em 2005, ano em que o Serviço de Apoio à Micro e Pequena Empresa (Sebrae-SP) iniciou um programa de melhoria da pecuária leiteira na região. "Este ano vamos crescer mais 15%, passando a barreira dos 500 mil litros", disse o médico veterinário Fernando Vanucci, da Casa da Agricultura do município.



Demanda crescente. A produção é insuficiente para atender a uma demanda cada vez maior dos laticínios, o que explica a valorização da matéria-prima. O litro de leite, que era vendido a R$ 0,60 havia quatro anos, estava sendo comercializado no portão do sítio a R$ 1,07 na semana passada.


Ferreira é um dos pioneiros na região. Sua família era dona de uma metalúrgica em São Paulo e há nove anos comprou a Fazenda Gavião, em Barra do Turvo, para criar gado bovino. O baixo preço do leite de vaca levou o criador a optar pelo de búfala, mais valorizado. Além disso, com 5 litros desse leite se faz 1 quilo de mussarela, enquanto que, da vaca, são necessários 10 litros. O ex-metalúrgico mantém um plantel de quase 100 cabeças, das quais 42 búfalas em lactação. Ele tira em média 140 litros por dia, o que dá uma receita bruta de mais de R$ 4 mil por mês.



Piquetes. O rebanho é tratado a pasto e o criador dividiu a área em piquetes para fazer rotação de pastagem. No inverno, com os pastos secos por falta de chuvas, ele complementa a alimentação das reprodutoras com cana moída, farelo e sal mineral.



Instalações simples. Ferreira cuida do gado com a ajuda de um empregado. As instalações são simples, mas bem limpas e cuidadas. Para tirar o leite, ele instalou uma ordenhadeira. Nas criações de menor porte, a mão de obra é exclusivamente familiar. O presidente da Proleite, Luiz Carlos Cônego Portella, cuida sozinho do trato e da ordenha das 11 vacas. "Entre os nossos associados, não mais do que meia dúzia têm empregados. Geralmente trabalha o sitiante, a esposa e um filho", diz.


FONTE: http://www.estadao.com.br/


Comentário: Eu já abordei aqui a questão da bubalinocultura, que já foi uma atividade comum em Peruíbe, e não algo raro como é hoje. Bebia leite de búfala quando era criança, e me pergunto quantas crianças daqui podem ter o mesmo privilégio hoje, pois é isso que esse produto virou para nós: um privilégio.


Barra do Turvo já foi o município mais pobre de SP, com os maiores índices de mortalidade infantil e analfabetismo do Estado de São Paulo. Conheci uma moça de lá que, em pleno ano de 2004, NÃO SABIA QUEM ERA O BIN LADEN. Uma bela morena, que desconhecia uma questão amplamente divulgada por uma mídia...a qual ela não tinha acesso. Pensando bem, se considerarmos apenas o nível dos jornais peruibenses, ela tinha sorte, pois não perdeu nada.


O que eu quero dizer, é que Barra do Turvo, lá nos extremos do Vale do Ribeira, na divisa com o Paraná, pegou o bonde do futuro. Com avanços como esse estará dando as costas para a indigência rural, prostituição infantil na rodovia Régis Bittencourt e migração em massa dos mais jovens, com muitos deles atualmente preferindo uma favela em Curitiba do que a propriedade rural da família. Falta também - e isso será mais difícil - erradicar as quadrilhas de ladrões de cargas na BR - 116. Mas aquela cidade está evoluindo, deixando no passado a miséria mais sinistra.


E a nossa Peruíbe....pois é....aguarda a próxima temporada de verão, com a promessa de vários SHOWS para entreter os turistas e moradores que adoram a política do PÃO E CIRCO. Alguns por aí, AINDA ATRASADOS, se dedicam a produzir. Já a nossa avançada Peruíbe espera pelas migalhas que os visitantes paulistanos espalharão por aqui em troca de usufruirem das nossas praias.


Texto em que já tratei desse assunto:

http://peruibenastrevas.blogspot.com/2010/04/campanha-producao-de-leite-de-bufala-em.html


quarta-feira, 22 de setembro de 2010

CENTRO DE DISTRIBUIÇÃO DA EMPRESA O BOTICÁRIO EM REGISTRO/SP: DANDO VALOR A UM TÓPICO DE SUCESSO







Todo blogueiro que se preza, dá valor a um tópico que costuma fazer sucesso. É o caso de um no qual eu simplesmente reproduzi uma notícia, sobre o início do funcionamento da empresa O BOTICÁRIO em Registro, um município valeribeirense o qual teoricamente, está atrás de Peruíbe em desenvolvimento. Este tópico tem sido campeão em visitas aqui.



A situação de Peruíbe é até mais complicada do que eu pensava. A postagem que mais faz sucesso atualmente é uma que trata de um empreendimento que gerou empregos EM OUTRO MUNICÍPIO, do tipo que peruibenses que sequer passaram por ANA DIAS acham que é pobre, só por estar no Vale do Ribeira. Mas fazemos parte da BAIXADA SANTISTA, e portanto estamos em um "estágio superior". Acredita quem quizer.



O triste evento da última segunda, no qual a fila de desempregados em busca de vagas no supermercado COMPRE BEM tinha tanta gente, cujo número de todos chegou a quatro dígitos, e que segundo testemunhas teve cenas de briga e até polícia para acalmar os ânimos, demonstra que Peruíbe é hoje A PARTE MAIS BAIXA DA BAIXADA: estamos bem no fundo, como se mergulhados nas trevas de um abismo oceânico. O futuro próximo do nosso lugarejo é incerto.



Me resta aproveitar esta nova postagem, ajudando internautas que estejam interessados em se candidatar a cargos na filial registrense da empresa O BOTICÁRIO. Vejam o link abaixo:


http://internet.boticario.com.br/portal/site/institucional/menuitem.96595b06e875ad231fb6041b3a108a0c/?menu=mn2_prod_2&idCanal=d56345a3511b7110VgnVCM1000006f04650aRCRD


Nele é explicado como se enviar currículo para lá. Como é que pode, estou recomendando que busquem trabalho em outro lugar. Isso que é ser do contra.


Ah, sim, a postagem campeã, que bem que poderia ser de uma boa notícia em Peruíbe:

http://peruibenastrevas.blogspot.com/2010/06/empresa-o-boticario-em-registro.html

Situação da democracia em Peruíbe


segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Um peruibense em uma entrevista de emprego no COMPRE BEM



Nesta segunda teve entrevista de emprego lá no supermercado COMPRE BEM do centro. Já se sabe que essa filial será transformada em uma loja do EXTRA, e estão contratando funcionários para a próxima temporada. Durante dias, botaram um cavalete na entrada, para informar sobre o plano de contratações, dia, horário e documentação exigida.


Pois bem, o que aconteceu lá - nem vi, pois estava trabalhando - foi narrado no TWITTER por um munícipe que não ficou nada satisfeito com o que viu, chamado Guilherme sena. Não acho que esse relato deva se restringir aquele site. Melhor torná-lo mais conhecido aqui, pois considero o que ele narrou como honesto e crível, já que tive o desprazer em passar por situações parecidas nesta cidade.


Começarei pela primeira "twitada" dele, que foi para a prefeita, até a última que ele enviou para ela:


"@milenabargieri milena hoje vi e sofri uma situaçao q nunca vi imaginar em peruibe, hoje teve entrevista de emprego no compre bem "



"@milenabargieri foi mais de 1,500 pessoas #Desempregadas e eu era um delas e nao e ficamos mais de 1:00 hora na fila tem onibus q troce"



"@milenabargieri muita gente só no setor do vila erminda, e assim chegou um cara la e começou a contar, quando chegou nos duzentos"



"@milenabargieri ele mando todos irem embora, agora imagina 1,300 pessoas indo embora revoltados, nossa cidade esta sofrendo"


"@milenabargieri muitas pessoas desempregadas, vc precisa dar um jeito estamos sofrendo. Ass: Populaçao"


O perfil no TWITTER dele:


http://twitter.com/GuigoSena



Guilherme, entendo a sua revolta, mas não adianta reclamar lá no Twitter da prefeita. A questão é mais complicada do que você imagina. O problema do desemprego em Peruíbe é estrutural, e a solução não virá apenas com um esforço da administração municipal.


Dando um desconto para a Milena (não sou tão radical quanto eu pareço), o desemprego crônico não é algo que ela está em condições de resolver por si mesma. Em uma postagem anterior, falei sobre o quanto seria bom para a cidade a construção de uma MARINA, para atrair turistas ricos, com os seus veleiros e iates. Claro que isso geraria emprego.


Mas não basta vontade de quem governa. Imagina a oposição do IBAMA - com um monte de exigências - e de ongueiros, os quais iriam reclamar, reclamar e RECLAMAR. Já vi esse filme.


E para o supermercado aqui citado, mais de mil pessoas em uma fila para emprego é ótimo. Pegaram uns duzentos para fazer uma seleção final, e com um número menor terão um grupo de funcionários leais, gente disposta a varar as madrugadas para manter um atendimento 24 horas para os clientes. Quanto mais desesperado o sujeito que quer trabalhar lá, melhor (os mais desesperados chegaram mais cedo). É uma lógica cruel, favorecida pela paupérrima economia local, mascarada por falsas aparências.


Um visitante que chega pela primeira vez aqui, pode se deslumbrar com as belas casas - em bairros como o Oásis e Jardim Imperador existem mansões impressionantes - e achar que vivemos em uma terra próspera, mas os fatos demonstram o quanto essa idéia é equivocada. A paisagem urbana dos bairros praianos e centrais pode ser agradável, mas ela esconde um grave problema social, visível em mais uma enorme fila de pessoas que só querem TRABALHO E RENDA.

domingo, 19 de setembro de 2010

Roberto Freire fez campanha em Peruíbe neste Domingo




Em campanha para eleger-se deputado federal por São Paulo, Roberto Freire desceu novamente a serra neste domingo (19/09). O destino foi Peruíbe, cidade do litoral sul paulista, onde o presidente nacional do PPS foi recebido pela ex-prefeita Julieta Omuro e por seu marido Mário Omuro, que também já administrou a cidade. O casal, que coordena a campanha de Freire no município, levou o candidato ao encontro de eleitores no bairro Caraguava, no Porto de Pesca (Portinho) e na Feira da Estação.


Mesmo sob chuva, Freire, acompanhado de cerca de 30 militantes, caminhou por Caraguava, conversando com moradores do bairro mais populoso de Peruíbe. Para o barbeiro Luiz Sebastião da Silva, 57 anos, foi uma alegria conhecer de perto seu conterrâneo. "Vale a pena votar nele. Ele é uma boa pessoa, capacitado e de família", disse o pernambucano que vive no Estado de São Paulo há 30 anos.



Na sequência, o candidato seguiu para o Portinho, onde ouviu as reivindicações de dirigentes da Colônia de Pescadores de Peruíbe. "A gente conhece ele como um político que ajuda os trabalhadores, principalmente os mais simples. Espero que, se eleito, ele ajude os pescadores daqui", afirmou Pedro Gonçalves Ferreira, 57 anos, presidente da Colônia, que conta com cerca de 600 associados. Entre as principais reivindicações da entidade está a construção de um enrocamento (espécie de parede dupla de pedras) para facilitar o embarque e desembarque dos pescadores no porto, e a reforma e a ampliação do trapiche (atracadouro de barcos).


"Ele é um político sério, e é importante que tenhamos um deputado de peso defendendo São Paulo. Admiro-o muito", afirmou Antônio Alves, secretário-geral da Colônia de Pescadores de Peruíbe.


Depois de visitar o Portinho, Freire seguiu para uma caminhada na feira livre do bairro da Estação e recebeu o carinho de eleitores como Edevar Sanchez, 64 anos, aposentado. "Ele é um cara que nunca foi envolvido em escândalo, por isso merece a confiança do povo e a minha. Vou votar nele, com certeza", disse.


Após deixar Peruíbe, no início da tarde, o candidato seguiu para duas cidades do Vale do Ribeira: Itariri, onde visitou a Aconvita (Associação de Convivência dos Idosos), e Pedro de Toledo, onde foi recebido pelo prefeito Sérgio Miyashiro (PSB).

Fonte: http://www.robertofreire2323.com.br/

Comentário: para o eleitor peruibense que não se interessa pelo VOTO DE PROTESTO, mas não concorda com as "sugestões do poder municipal", existem alternativas. Basta se informar, e lembrar de que o voto é livre, não podendo ser monitorizado.

Ignorem os cartazes e placas que pipocam por aí, com os rostos de CERTOS PERSONAGENS DA BAIXADA SANTISTA, os quais afirmam representar esta cidade lá em Brasília, mas estão mesmo é preocupados com SANTOS, SÃO VICENTE E PRAIA GRANDE.

Para quem não quer saber do 2222, pense no 2323.



POLÍCIA PRENDE QUADRILHA QUE FRAUDAVA LICITAÇÕES / SETEMBRO DE 2010






Calcula-se que a fraude retirou dos cofres públicos 500 milhões de reais. Ação aconteceu sexta-feira (17/09)

Cosmo On Line




A polícia desmantelou uma quadrilha que fraudava licitações públicas em todo o estado de São Paulo no início da noite desta sexta-feira (17/09), em Campinas. A ação foi organizada por uma força-tarefa entre o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), a Corregedororia da Polícia Civil de São Paulo e o Departamento de Polícia Judiciária de São Paulo (Deinter).



Calcula-se que a fraude retirou dos cofres públicos 500 milhões de reais.



O chefe da quadrilha é de São Paulo, capital. Dois lobistas que são de Campinas fraudavam licitações em todo País, mas principalmente nos estados de São Paulo (as cidades de Campinas, Indaiatuba, Peruíbe, Hortolândia, Mauá estão sob investigação), de Tocantins e de Minas Gerais.



Oito pessoas foram presas em Campinas, entre elas empresários da área de publicidade. Dos presos, dois são de Indaiatuba. Há também acusados da capital paulista.



O Ministério Público abordou o esquema criminoso após sete meses de investigação. A quadrilha corrompia agentes públicos para facilitar na fraude nas licitações.



Entre os presos estão dois policiais civis que faziam segurança de transporte de valores. Oito carros foram apreendidos, sendo cinco importados (entre eles um do modelo BMW X5 e um Audi).



A polícia está investigando o possível envolvimento de políticos, prefeitos e governadores no crime.



Com informações da repórter Luciana Félix


Comentário: a "carroça" que aparece na foto pertence a um dos presos. E essa notícia não terá um grande destaque na mídia daqui.

sábado, 18 de setembro de 2010

Prefeitura de Peruíbe realiza 5ª Festa das Flores mas mantém a tenda IMUNDA






Ontem teve início a 5ª Festa das Flores, do Morango e da Banana. O evento está sendo realizado no Espaço Cultural Chico Latim. Para quem não sabe, esse local fica lá na Avenida São João, s/n, ao lado da escola Barão de Mauá. É aquela baita TENDA IMUNDA, que a muito tempo desconhece o que seja limpeza.



Passei por lá. Vi pessoas na fila para comprar morango com chantily, muita música, flores, doces de banana...e AQUELA BAITA TENDA IMUNDA se destacando na paisagem. Pois é, prefeita, pode ter certeza de que tem gente que repara nisso, mesmo durante a noite. Não sou apenas eu que olha para algo que originalmente tinha a cor branca, e enxerga um desagradável contraste de tons cinzentos.


A administração possui recursos para gastar nessa festa, mas não pode contratar uma firma de limpeza para dar uma geral nessa tenda, e também naquela lá na praça Flórida. E uma wap
deve estar fora do alcance do orçamento municipal, que como todos sabemos, está no vermelho.

LLX mantém projeto de construir porto em Peruíbe-SP





GLAUBER GONÇALVES Agencia Estado


RIO - O projeto de construção do Porto Brasil, um porto concentrador de cargas de importação e exportação em Peruíbe (litoral sul de SP), não saiu do radar da LLX, empresa de logística do grupo de Eike Batista. "Temos uma grande propriedade com 52 quilômetros quadrados no Estado de São Paulo. É um lugar perfeito para construir um superporto de águas profundas para ajudar o Brasil a acabar com gargalos", afirmou em conferência com investidores o presidente da LLX, Otávio Lazcano.


O executivo lembrou que o projeto depende do marco regulatório. "Continuamente reavaliamos todas as oportunidades de investimento e o Porto Brasil seria um deles, mas depende do marco regulatório e de outras condições econômicas", afirmou o executivo. Em 2008, a LLX anunciou a suspensão do projeto, motivada por dificuldades de financiamento decorrentes da crise mundial. "Esse projeto poderá ser executado pela empresa no futuro", concluiu o executivo.


Em conferência, Lazcano justificou o prejuízo de R$ 5,393 milhões no segundo trimestre, anunciado hoje pela LLX Logística. No mesmo período de 2009, a empresa registrou lucro líquido de R$ 50,788 milhões. "Estamos num estado pré-operacional, então nós vamos reportar uma perda líquida. Tivemos despesas administrativas de R$ 26 milhões que foram parcialmente compensadas por uma renda líquida de R$ 13,9 milhões", declarou Lazcano.

Fonte: ESTADÃO

COMENTÁRIO: essa não é matéria paga pela nossa prefeitura, com certeza. Vai ver, o ESTADÃO quer fazer média com o Eike Batista.



quinta-feira, 16 de setembro de 2010

CIDADE PRAIANA ESNOBADA





Apesar da beleza, não há muito o que se observar, se não considerarmos as ilhas. Falo de uma paisagem marítima que de vez em quando manda suas ondas sobre a areia, ondas que molham o limite oriental do nosso território. O peruibense que aqui escreve jamais viu algum veleiro, lancha ou um transatlântico - claro que esse também não - nessas águas, frequentadas por barcos de pesca artesanal, os quais foram no passado a principal fonte de riqueza. No verão as praias são cobiçadas pelos banhistas de fora, o que garante a lotação de pousadas, hotéis e restaurantes. 

É durante os meses de veraneio em que a avenida da praia, batizada de Governador Mário Covas, entra na sua maior atividade, quando convivem lado a lado turistas se divertindo e moradores lutando pelo pão de cada dia. Mas a questão é que todo esse "agito" acontece em uma faixa bem restrita, simplesmente não se estendendo para os limites que as nossas vistas alcançam, quando olhamos para o oceano. Por qual motivo os ricos que adoram Guarujá ou Ubatuba não frequentam a nossa costa com as suas embarcações? O que impede esse grupo seleto - que gasta muito - de nos visitar com os seus iates? Eles não gostariam de comer o nosso mais novo prato "típico", o CAÇÃO À PERUÍBE? A presença deles faria uma grande diferença para a sobrevivência de muitos por aqui, pois a classe AAA dinamiza a economia dos municípios que eu mencionei.

Essa turma privilegiada não esnoba Peruíbe por "preconceito". O simples fato de aqui não existir uma Marina mantém esses visitantes - e a grana deles - longe daqui. Um certo sujeito, creio que a uma década atrás, prometeu que depois de eleito ergueria esse tipo de centro portuário, o que colocaria nosso lugarejo em um nível superior no turismo litorâneo. Até hoje aguardo com curiosidade pela implantação dessa ideia.


MARCADORES: PERUÍBE, PERUIBENSE, LITORAL PAULISTA, BAIXADA SANTISTA, TURISMO, VERANISMO, ECONOMIA, OPORTUNIDADES



NÃO SOU DA BAIXADA SANTISTA


LLX e o PORTO BRASIL continuam na mídia


quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Paulo Skaf, que é PSB como o clâ Bargieri, disse uma grande verdade



Nesta quarta-feira na TV, pela primeira vez, um candidato do PSB - partido que parece ter um palhaço entalado na garganta - citou o nome daquele que é o maior inimigo deles na campanha eleitoral de SP. Pois é: ele pronunciou o terrível TIRIRICA.


O senhor Skaf, que disputa o cargo de GOVERNADOR de São Paulo, entrou na briga contra o humorista do PR. Tal atitude demonstra como a situação é tensa no partido da prefeita de Peruíbe. Ele disse o seguinte:


"Eu não falo contra a campanha do Tiririca, mas quero chamar a atenção que se existe a chance dos eleitores de fazerem no Tiririca o candidato mais votado, é porque tem alguma coisa errada com os políticos". Palavras do candidato ao governo de SP, que a nossa prefeitura apóia.



O senhor está coberto de razão, Paulo Skaf. Tem algo de muito errado com os políticos. Com os que militam no PSB DE PERUÍBE, caramba, tem algo de muito errado mesmo. Temos uma administração municipal péssima, a qual pouco contribui para um município melhor. A pior taxa de mortalidade infantil de SP é uma conquista do PSB peruibense, senhor Skaf, disso não tenha dúvida.


Diga o que quizer, mas se depender de mim e de outros peruibenses, Tiririca SERÁ RECORDISTA EM VOTOS NESTA CIDADE. Se quer começar a fazer mudanças sérias na classe política, trate de pedir ao senhor Márcio França parar com essa bobagem de colocar bonecos infláveis de si mesmo nas ruas e em feiras. Ele reclama das palhaçadas de um só sujeito, mas espalha palhaços baseados na imagem caricata dele por aí. Vai entender tamanha seriedade !!!

Faltou emoção, civismo e munícipes no desfile da Independência em Peruíbe




Vamos parar com essa falta de senso crítico que predomina na cidade. O FATO É QUE NÃO CHOVEU DURANTE A MANHÃ DE 7 DE SETEMBRO, E NÃO TINHA MOTIVO PARA O DESFILE SER CANCELADO.


Francamente, me espanto com a situação que predomina nesta terra, em que a administração municipal PISA NA BOLA, DIVERSAS VEZES, a população não reclama e continua a se comportar como nada tivesse acontecido.


Dizer que o desfile foi emocionante é uma mentira grosseira. O site da prefeitura, ao tratar do assunto, lembra o panfletarismo do regime cubano ou norte-coreano. Bom, é o PSB que governa a cidade, não dava para esperar menos do que isso.
Novamente, eu reproduzo aqui uma foto da manhã do dia da independência em Peruíbe. NÃO TINHA CHUVA !!!
Vídeos do "espetáculo", nos quais já se vê que muitos moradores tinham mais o que fazer, em um dia de trabalho:

terça-feira, 14 de setembro de 2010

PERUÍBE ESTÁ SE EMBANANANDO

Pois é, Peruíbe está se embanando. Isso está em moda por aqui, embora não se trate de algo VERBALIZADO. Não é um fato mencionado neste município, essa questão que afeta a todos nós.




A temporada de verão se aproxima. E com ela um bocado de CALOR E CHUVA. Como qualquer munícipe que não se engana com a mídia local já sabe, a epidemia de DENGUE só foi encerrada graças ao frio - noites bem geladas por aqui - pois se dependesse da (in)competência da administração municipal, nós estaríamos lascados....e então? E esse embananamento? O que é isso? Eu já estou explicando do que se trata.
Este município é uma comédia. A campanha de prevenção para a DENGUE deste ano só começou por aqui DEPOIS DE ENCERRADA A TEMPORADA. Um monte de residências - de VERANISTAS - já estavam fechadas, e a grande maioria delas não puderam ser visitadas pelos ditos responsáveis em esclarecer as pessoas, sobre como eliminar possíveis focos de reprodução do mosquito. E deu no que deu. Foi uma situação trágica, com mortes e muitos doentes. A nossa imprensa - EMBANANADA - pegou leve na questão, e as pessoas atualmente agem COMO SE NADA DE GRAVE TIVESSE OCORRIDO !!!

Teve até um fulano que espalhou por aí que a primeira vitima fatal da doença tinha morrido na verdade, de LEPTOSPIROSE. Ridículo. Patético. MENTIROSO. Uma tentativa vergonhosa de maquiar a questão. Já os jornais locais agiam como se a epidemia fosse um "mal menor". O embananamento está em marcha, pois se caracteriza pela passividade das pessoas, dos cidadãos desta terra. Parece que nada de grave aconteceu, os peruibenses agem como se fosse assim, como se o lamentável evento tivesse sido algo banal. ISSO É COISA DE GENTE BANANA !!!

Pela segunda vez nesta administração, o desfile do SETE DE SETEMBRO foi adiado. A desculpa foi a CHUVA. Mas NÃO CHOVEU DURANTE A MANHÃ. Nem na manhã do dia da independência deste ano e nem mesma data lá no ano passado choveu. E a prefeita disse que o adiamento ocorreu por causa de chuva....mas não choveu durante a manhã. NÃO CHOVEU !!! Não estou mentindo...e um monte de gente baixa a cabeça e age como se fosse normal, que NOVAMENTE UMA DESCULPA TOSCA DESSAS FOSSE DADA.

Recentemente foi aberta na prefeitura a dita SALA DO EMPREENDEDOR. Foi algo colocado como um MARCO HISTÓRICO. Então tá. No mundo real do capitalismo, a chamada livre iniciativa pouco avança em um ambiente carente de oportunidades. E aqui o período pós-temporada é terrível. Só faltam aquelas bolas de mato dos filmes de faroeste rolando nas ruas. Os clientes em busca de produtos e serviços se tornam muito escassos.

Para os "empreendedores" prosperarem, precisam atuar em um meio onde a queda na procura do que eles oferecem não seja tão severa. Mas aqui, nesta curva de rio, é assim. Quando se aproxima a quarta-feira de cinzas, já tem comerciário rezando, pois sabe que provavelmente será DEMITIDO. De pouco adianta incentivar a legalização de pequenos negócios e a criação de novos, se durante a maior parte do ano, as falências são uma regra aqui, por causa da inevitável baixa nas atividades econômicas locais.

Se a prefeitura quer emprego e renda sendo gerados graças ao surgimento de microempresas, precisa tirar este município do perverso círculo vicioso do turismo de verão. Criar - novamente falando disso !!! - alternativas a esse modelo falido, é do que precisamos. O dinheiro não pode entrar na cidade quase que exclusivamente durante uns três meses do ano. Se continuar assim, empregos com CARTEIRA ASSINADA e garantias trabalhistas continuarão privilégios de poucos. O EMPREENDEDOR que quer vender CACHORRO QUENTE, e tirar disso a sua renda básica, precisa ter garantias de que terá clientela fora da temporada, pois caso contrário seu negócio - um tradicional carrinho de cachorro quente - terá que ficar encostado na garagem até a próxima temporada. O fato é que poucos conseguem se firmar fora dela.

Mas nesta terra de bananas, muitos tratam esse papo de empreendorismo como algo redentor...caramba !!! Ou se criam outras formas de atrair recursos financeiros para esta cidade - além do já manjado turismo - ou grande parte dos mais humildes não conseguirão levar adiante qualquer negócio, devido ao menor mercado consumidor durante os terríveis nove meses em que temos poucos visitantes. Mas a bananização impediu até que as pessoas comentassem por aí o que eu digo sobre isso neste texto.
Criticar a administração parece um comportamento feio e desaconselhável. O melhor é sermos todos uns bananas.


Márcio França Tiririca de raiva



A Procuradoria Regional Eleitoral de São Paulo não vê irregularidades na propaganda do humorista Tiririca, que deve se tornar o mais votado do país. Não tenho dúvida que o senhor Márcio França e muitos outros candidatos aqui em SP formam hoje um grupo muito TIRIRICA com a decisão do Ministério Público.

ERENICE AINDA ESTÁ SENDO APOIADA PELO LULA





Lula mantém Erenice, mas quer reação rápida


O presidente Luiz Inácio Lula da Silva cobrou reação rápida da ministra da Casa Civil, Erenice Guerra, à denúncia de envolvimento num esquema de lobby no governo. Por enquanto, Erenice será mantida no cargo, mas pode cair se aparecerem novas acusações. Na avaliação do Planalto, o episódio causa estragos na campanha de Dilma Rousseff (PT).

Lula e a equipe de Dilma estão preocupados com a repercussão do caso. Na noite de ontem, por exemplo, as principais emissoras de TV deram destaque ao assunto do tráfico de influência na Casa Civil.

O governo foi informado de que haverá novas denúncias sobre a atuação de parentes de Erenice. 'Se começar a pipocar uma coisa aqui e outra ali, muda o cenário. Aí ela terá de se afastar', disse ao Estado um dos auxiliares de Lula. 'Recomenda-se agilidade no tempo eleitoral.'

Há menos de seis meses no cargo, Erenice foi secretária executiva da Casa Civil quando Dilma era ministra, de junho de 2005 a março deste ano. Sempre foi definida como 'braço direito' da atual candidata do PT. Antes da Casa Civil, ela ocupou a assessoria jurídica do Ministério de Minas e Energia, também escalada por Dilma.

Em conversas reservadas, Lula tem dito que aprendeu uma 'lição de ouro' em dois mandatos: quando o escândalo bate à porta, é melhor demitir logo a tentar manter o ministro 'sangrando'. Nessas ocasiões, o presidente sempre lembra que demorou a se decidir pelo afastamento de José Dirceu, antecessor de Dilma na Casa Civil, e de Antonio Palocci - ex-ministro da Fazenda e hoje um dos principais coordenadores da campanha -, prolongando crises.

Choro. Foi aos prantos que Erenice procurou colegas de governo, ainda no sábado - quando a revista Veja começou a circular com a denúncia de que seu filho Israel Guerra tinha um escritório de lobby -, para rebater as acusações. Disse que estava sendo vítima de 'crime contra a honra'. Por orientação de assessores da Presidência, ela redigiu uma nota em que punha seus sigilos fiscais, bancários e telefônicos, assim como os do filho, à disposição.

Na noite de domingo, Erenice foi recebida por Lula, no Palácio da Alvorada. O presidente disse, segundo relato de um auxiliar, que as respostas da ministra tinham de ser 'rápidas e esclarecedoras' e que ela teria oportunidade de se defender.

Dilma é amiga de Erenice, mas, se necessário, poderá 'jogar ao mar' a antiga colaboradora. Em 2008, Erenice foi acusada de montar um dossiê, na Casa Civil, com gastos sigilosos do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB).

Na reta final da campanha e com a liderança de Dilma nas pesquisas, o Planalto fará de tudo para evitar outro escândalo associado à candidata do PT. Apesar das notas divulgadas pela Casa Civil, negando todas as informações de Veja, assessores próximos a Lula admitiram ontem que Israel Guerra recebeu pelo menos R$ 120 mil em transferência bancária do empresário Fábio Baracat, autor da denúncia.

O impacto negativo na campanha de Dilma foi medido por pesquisas diárias, encomendadas pelo marqueteiro João Santana.

Em reuniões e conversas com dirigentes do comitê petista, no fim de semana, Lula deu o tom de como seria a blindagem à candidata. Não foi à toa que no debate entre os presidenciáveis promovido pela RedeTV!, no domingo, Dilma procurou se distanciar de Erenice. Isso significa que ela não apenas não porá a mão no fogo pela amiga como baterá na tecla de que esse é um assunto a ser investigado pelo governo, 'doa a quem doer'.


FONTE: ESTADÃO

segunda-feira, 13 de setembro de 2010

BETO MANSUR NÃO MERECE O VOTO DOS ELEITORES DE PERUÍBE

Esse senhor cuja propaganda emporcalha a parede de uma Avenida lá no Guarujá (Avenida Miguel Stéfano) não merece os votos dos eleitores de Peruíbe. Pelo menos, não dos que queriam um salto de desenvolvimento neste município. Simplesmente ele não merece. O senhor Beto Mansur foi contra a implantação do projeto PORTO BRASIL em Peruíbe. Ele defende os interesses da elite portuária de Santos, a qual tratou a nossa cidade como um território inimigo. E ele, vejam só, PEDE VOTOS DAQUI. Quem acompanha este blog já sabe quem eu apóio - como protesto, é claro - para Deputado Federal. Mas não precisa concordar comigo não, pois O VOTO É LIVRE. Se algum eleitor peruibense possui suas razões para não apoiar o palhaço, eu compreendo. Mas não compreenderei - e com toda a razão - se tal munícipe apoiar o fulano do muro sujo. Ele desprezou Peruíbe e vem querer eleitores daqui. É óleo de Peroba na cara, só pode ser. Por favor, pense nisso, caro morador ou veranista que lê os radicalismos deste blogueiro inconformado.

sábado, 11 de setembro de 2010

Helicóptero desaparecido que decolou de Peruíbe ontem foi encontrado em Itanhaém


O helicóptero que partiu ontem de Peruíbe rumo ao Campo de Marte em São Paulo foi encontrado em uma área de mata fechada em Itanhaém, agora à tarde. Ainda não se tem notícias do piloto e passageiro.

O 11 DE SETEMBRO DA DILMA ROUSSEFF? O TEMPO DIRÁ



O Texto abaixo é do Blog do Reinaldo Azevedo. Trata-se de uma reportagem da VEJA, curiosamente lançada no dia 11 de Setembro. Agora só o tempo dirá que repercussão ela terá nas eleições presidenciais e consequentemente no futuro próximo deste país:

A MÃE DE TODOS OS ESCÂNDALOS 1 - FILHO DE ERENICE, QUE É SOMBRA DE DILMA, COMANDA INTERMEDIAÇÃO MILIONÁRIA DE VERBA PÚBLICA. PIOR: ERENICE PARTICIPA DE REUNIÕES. COMISSÃO: 6%


Veio à luz a mãe de todos os escândalos do governo Lula-Dilma. É muito mais grave do que o mensalão. Israel Guerra, filho da ministra-chefe da Casa Civil, Erenice Guerra — sucessora de Dilma na pasta e seu braço-direito, como todos sabem —, montou um grupo para fazer a intermediação de verbas públicas. Ele cobra uma taxa de sucesso: 6%. É pouco? Erenice, que já andou metida em outros casos nada republicanos do governo Lula, participou de reuniões. IMPORTANTE: a um empresário com o qual o grupo fez negócios, Erenice deixou claro: a dinheirama cobrada era para “saldar compromissos políticos”.





A matéria de capa da VEJA é de estarrecer. Posts abaixo, reproduzo trechos da reportagem de Diego Escosteguy, que contou com a colaboração de Rodrigo Rangel, Daniel Pereira, Gustavo Ribeiro e Paulo Celso Pereira. Ainda que espantosos, dão uma idéia pálida do que vai na revista. Eis um exemplar que se deve ter à mão como documento de um tempo.


A “Carta ao Leitor” de VEJA, que segue abaixo, faz uma síntese do caso. Leiam:


“A reportagem desta edição de VEJA revela que Israel Guerra, filho de Erenice Guerra, braço direito de Dilma Rousseff enquanto ela foi a incontrastável ministra-chefe da Casa Civil e sua sucessora na pasta, comanda um escritório de lobby em Brasília que trabalha azeitando negócios de empresários com o governo. A Casa Civil fica no 4° andar do Palácio do Planalto, exatamente acima do gabinete do presidente da República. Fossem os tempos que correm menos relativos em termos éticos, isso bastaria para deixar clara a inadequação do arranjo familiar montado no ministério mais próximo de Lula e mais poderoso da hierarquia administrativa do país.



Existem evidências de que a ministra, pessoa da intimidade e da mais estrita confiança de Dilma Rousseff, é responsável pelo sucesso dos negócios do filho com órgãos públicos. Empresários que desfrutaram da confiança de Israel e Erenice contam que a ministra participa de reuniões com clientes do filho e se compromete a abrir portas. O caso assume feições nigerianas de gestão pública quando a reportagem desce a detalhes do que se passa logo acima da cabeça do presidente. Um empresário do setor aéreo contou como conseguiu contratos de 84 milhões de reais nos Correios mediante a intervenção direta de Erenice Guerra, a cuja presença ele foi levado pelo filho. O negócio só saiu depois de assinado compromisso de pagamento de uma “taxa de sucesso” de 6% do valor dos contratos, cujo destino manifesto pelos lobistas-familiares-assessores-militantes petistas seria saldar “compromissos políticos”‘.


Dois assessores montaram um balcão de negócios na Casa Civil. Eles foram nomeados funcionários públicos, mas atuam como lobistas, recebendo ordens do filho de Erenice Guerra. A publicação da reportagem a vinte dias do primeiro turno das eleições fará brotar acusações de que o objetivo é prejudicar a candidata oficial, Dilma Rousseff. São especulações inevitáveis. Mas quais seriam as opções? Não publicar? Só publicar depois das eleições? Essas não são opções válidas no mundo do jornalismo responsável, a atividade dedicada à busca da verdade e sua revelação em benefício do país.



Por Reinaldo Azevedo